domingo , julho 22 2018
Home / livros / Resenha- 1222 – Anne Holt

Resenha- 1222 – Anne Holt

Foto: Thais Queiroz

 

Livro: 1222

Autora: Anne Holt

Editora: Fundamento

N° de Páginas: 303

Classificação: 4,5/5

 

Olá, pessoal! Eu me chamo Thais Queiroz, sou blogueira do @jornalizando juntamente com Elaine Lima, e hoje trago a primeira resenha em parceria com a Livraria Dom Casmurro. O livro escolhido foi 1222 e só posso dizer que fiquei imensamente encantada e feliz com a escrita da autora escandinava, Anne Holt. A resenha será dividida em duas partes: sinopse e opinião.

 

Sinopse: A 1222 metros de altitude, um acidente de trem. Uma impiedosa nevasca. Um hotel centenário. E um assassinato! Uma ex-policial, tão astuta e brilhante quanto sarcástica e antissocial, é a única pessoa capaz de solucionar o mistério da morte de um dos 269 passageiros de um trem descarrilado. Isolados do resto do mundo por causa da neve, uma atmosfera de medo, hostilidade e desconfiança instala-se no hotel onde eles se refugiaram. Mas Hanne não quer se envolver. Ela sabe que a verdade cobra um preço muito alto. Ao longo dos anos, sua busca por justiça lhe custou o amor de sua vida, sua carreira na polícia de Oslo e a própria mobilidade. No entanto, encurralada por um assassino, encurralada pela pior nevasca da história, Hanne – e os outros passageiros – não tem saída. Em uma situação extrema, as máscaras logo caem… E, nesse grupo, muitas pessoas não são o que parecem. Aliando sua capacidade de dedução a seu instinto, Hanne mergulha em um enigma difícil e surpreendente. Acompanhe todos os momentos dessa história envolvente e arrepiante. Você não vai conseguir parar de ler!

Foto: Editora Fundamento

 

 

Foto: Thais Queiroz

Opinião: Eu peguei o livro com muitas expectativas, e primeiro preciso dar destaque ao trabalho de diagramação e ilustração dada a 1222. Está muito lindo e bem trabalhado, dá para perceber o cuidado que a editora Fundamento teve na hora da editoração. Eu fui conquistada já pela capa.  Outro fato interessante é que em cada capítulo, nós podemos ver uma evolução da “Escala Beaufort”, na qual classifica a intensidade dos ventos, a velocidade, e os efeitos resultantes das ventanias no mar e em terra. O que é importante durante a trama, pois o acidente acontece no início do furacão Olga na Noruega.

Com um ritmo acelerado, personagens marcantes e uma protagonista extremamente inteligente, 1222 irá te conquistar nas primeiras páginas. O livro é narrado em primeira pessoa, nós sabemos de todos os acontecimentos a partir da visão da ex-policial Hanne Wilhelmensen, e já no primeiro capítulo nós ficamos imersos no acidente de trem.

Após o acidente, os passageiros do trem são resgatados pelos donos de um Hotel chamado Finse 1222, que são extremamente receptivos e preparados para uma Nevasca. Embora a atmosfera do hotel seja acolhedora, ocorre um assassinato durante o enclausuramento forçado. Nenhuma autoridade local poderia mandar equipes de resgates no início de uma nevasca.

CITAÇÃO DO LIVRO:

“O medo, senhoras e senhores, é sempre uma questão de quantidade. Nenhum de nós tem medo de uma abelha, mas todos entramos em pânico quando um enxame se aproxima”

Hanne usa cadeira de rodas, algo que eu achei extremamente desafiador, mas agregou muito a história. Ela consegue investigar o caso, ajudar as pessoas e juntar as peças desse quebra-cabeças de uma forma impressionante. (Eu sou fã da Hanne). A personagem ficou paralítica em dezembro de 2002 – o acidente de trem foi em fevereiro de 2007- ou seja, cinco anos depois ela se envolve em outro acidente que exige ao máximo dela. Hanne é uma personagem complexa, introvertida, extremamente inteligente, observadora e um pouco irônica, características facilmente encontradas em Sherlock Holmes (amo <3).

A autora me deixou extremamente feliz ao causar-me, diversas vezes durante a leitura, momentos de angústia e muita curiosidade. Eu amo livros nos quais eu não consigo descobrir o que irá acontecer depois (isso vale para séries e filmes), e a escritora construiu uma trama para deixar qualquer fã de suspense policial de queixo caído. Tem todos os elementos que um bom suspense precisa ter, e Anne ainda consegue acrescentar uma leveza e fluidez admirável. (Já adicionei todos os livros dela no meu skoob). Eu suuuuper recomendo este livro e já estou ansiosa para ler outras obras da Anne Holt.

1222 faz parte de uma série (independente) sobre a ex-policial Hanne Wilhelmensen, no Brasil, além deste, já foram publicadas mais três obras da autora: A Deusa Cega, Números de Azar e Demônio ou Anjo. Vocês podem encontrar os exemplares na Livraria Dom Casmurro.

http://www.livrariadomcasmurro.com.br/produto/1222-anne-holt-834

 

Muito obrigada a todos e tenham uma ótima leitura!

Beijos!

  @jornalizando @itselai @tataiqueiroz

 

Sobre Dom Casmurro

Veja também

RESENHA – ATRAÍDA POR UM HIGHLANDER

Livro: Atraída por um Highlander Autora: Maya Banks Páginas: 416 Editora: Universo dos Livros Classificação: …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.